Blog

Carro com dívida: posso comprar ou vender?

saiba como negocias carro com dívida

Você quer comprar ou vender um carro que ainda está financiado? Então, saiba aqui como funciona a compra e venda de um carro com dívida.

Tenho um carro com dívida, posso vender?

No geral, a resposta é sim. Inclusive, existem algumas opções de negociação de um carro com dívida. Veja abaixo:

  • Quitar o financiamento no banco e, em seguida, vender o veículo
  • Vender o veículo e usar o dinheiro para quitar a dívida
  • Transferir as parcelas do financiamento para terceiros
  • Vender o veículo para alguma revendedora que aceite assumir a sua dívida com o banco

Mas, é importante lembrar que, seja qual for a opção de negociação escolhida, você precisa notificar a instituição financeira responsável e pedir a sua autorização.

Na maioria das vezes, as revendedoras assumem a sua dívida com o banco

Vender o veículo para revendedoras, acaba sendo uma boa opção para quem quer trocar de carro. Mas, por mais que as revendedoras permitam que você troque o modelo do seu carro sem ter a necessidade de fazer novas dívidas, é necessário estar atento a algumas condições desse tipo de negociação:

  • Para realizar esse processo, as revendedoras vão cobrar altas taxas de juros
  • Pode haver multas pelo banco, o contribui para o aumento da dívida e pode levar até à busca e apreensão do veículo

Por isso, vale a pena buscar um acordo com o banco responsável pelo seu financiamento, antes de decidir vender o veículo para as revendedoras ou passar a dívida para terceiros.

É necessário quitar todas as dívidas do veículo, para poder fazer a transferência

Se a pessoa optar por vender o veículo, é necessário que você quite todas as pendências, como: multas, IPVA e parcelas atrasadas.

Como dito anteriormente, você pode fazer isso por meio de uma revendedora ou até mesmo usando parte do valor negociado do veículo para quitar os débitos restantes.

E como eu faço para definir o preço de venda do meu veículo com dívidas?

Como se trata de um veículo que ainda não está quitado, não há como vendê-lo pelo preço de tabela. Ele deve ser vendido por um valor menor.

Sendo assim, uma boa forma de definir o melhor preço para a venda do seu veículo, é pesquisar qual é o valor médio do modelo do seu carro na Tabela FIPE e relacionar esse valor com o preço total das parcelas que ainda precisam ser pagas.

Dessa forma, fica mais fácil definir qual deve que ser o valor do desconto do veículo para tornar a sua oferta interessante.

Importante: durante a negociação do veículo, você deixar claro ao comprador que se trata de um carro com dívida. Além disso, lembre-se de procurar o banco ou instituição financeira responsável pelo seu financiamento, para solicitar a autorização de venda. 

Mas, caso eu queira comprar um carro que ainda não está quitado, como funciona?

Nesse caso, você deve arcar com as parcelas restantes do veículo. Para evitar problemas, é importante que você consulte se há outros débitos pendentes, pois a transferência do veículo só poderá ser feita caso a situação do carro esteja regularizada junto ao Detran.

Quer consultar um veículo e saber se ele tem débitos e restrições? 

Então faça a nossa consulta de dados cadastrais! Com ela, apenas pelo número da placa, você vai poder saber se o carro tem restrições ou débitos, além validar os dados cadastrais Nacionais e Estaduais.

Se interessou pela nossa consulta? Clique aqui para saber mais e comprar!

Vai comprar um veículo usado? Então, pesquise todo o histórico para não cair em roubadas!

Além de restrições e impedimentos, você vai saber se o carro tem sinistro, histórico de roubo e furto, passagem por leilão, Recall e muito mais.

  • Compartilhe essa informação para um amigo, ela pode ser útil para ele também:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Fechar