Blog

IPVA 2019: Guia de como consultar e pagar o IPVA do veículo

Guia de como pagar o ipva

Precisa pagar o IPVA 2019? Veja o passo-a-passo aqui!

O Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) foi criado nos anos 80. O objetivo é que municípios e estados apliquem recursos na manutenção de estradas e viadutos, assim como asfaltamento, sinalização dentre outras melhorias públicas. 

Esse imposto é gerenciado pela Secretaria da Fazenda. Portanto, informações, consultas e emissão de boletos devem ser obtidos diretamente nesses sites da Secretaria da Fazenda ou Detrans do estado onde o veículo foi cadastrado.

Onde consultar e como pagar o IPVA 2019?

As informações requeridas no site da Secretaria da Fazenda para se consultar IPVA variam de estado para estado. Porém, a maioria requer o RENAVAM e a placa do veículo.

O número do RENAVAM é único para cada veículo e vem impresso no topo do seu CRLV (Certificado de Licenciamento do Veículo). Dessa forma, veja onde localizar na imagem abaixo.

Passo 1

Com o RENAVAM em mãos, clique abaixo na sigla do seu estado, com link para a Secretaria da Fazenda ou Detran:

ACALAPAMBACEDFESGOMAMTMSMGPAPBPRPEPIRJRNRSRORRSCSPSETO 

Passo 2

No site consulte o prazo de pagamento. As datas são definidas de acordo com a região e o final da placa de cada veículo

Prazo 3

Preencha os campos para gerar o boleto. Com o número de boleto,  IPVA deve ser pago na rede bancária autorizada, inclusive pela Internet.

A baixa do imposto do seu veículo geralmente é imediata. Para pagamento de IPVA atrasado, a guia já vem com juros e correções monetárias inclusas no valor.

O que acontece se eu não pagar o IPVA?

De acordo com as novas regras de IPVA 2019, quando em atraso, o proprietário recebe uma notificação. Posteriormente, ainda assim se o proprietário não regularizar, a primeira consequência é uma pequena multa, adicionada a cada dia de atraso. O limite da multa é 20% do valor total.

Outro ponto negativo é que, se o veículo for apreendido, o proprietário deverá regularizar toda a situação para retirar o veículo do pátio do Detran. De antemão saiba: o veículo não pode ser apreendido por falta de pagamento no IPVA, mas pode ser apreendido pela ausência do licenciamento anual atualizado. Simultaneamente, licenciamento não é entregue enquanto o IPVA não for pago.

Se o não pagamento se prolongar, o proprietário acaba tendo o nome negativado na Dívida Ativa, que portanto, impede a prestação de concursos públicos e dificulta futuros financiamentos.

Vale lembrar a partir de 2019, o IPVA pago à vista tem novos valores de desconto 

Em 2019 o Detran permitirá o parcelamento de multas, IPVA e DPVAT em até 12 vezes no cartão de crédito. Além disso, para quem pagar o IPVA à vista, há descontos de  de 3% a 30% do valor. Veja como funciona para cada estado:

  • Desconto de 3%: Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo
  • Desconto de 5%: Espírito Santo, Mato Grosso, Rio Grande do Norte
  • Desconto de 7%: Pernambuco
  • Desconto de 10%: Acre, Alagoas, Bahia, Maranhão, Paraíba, Rondônia, Sergipe, Tocantins
  • Desconto de 15%: Mato Grosso do Sul, Piauí
  • Desconto de 20%: Amapá
  • Desconto de 30%: Amazonas 
  • Não há desconto: Roraima, Santa Catarina
  • Não divulgado: Ceará, Distrito Federal, Pará, Goiás

Outro fator importante é que, dependendo do estado há a possibilidade de usar crédito de programas de incentivo à emissão de nota fiscal para se abater o valor.

Por fim, pessoas com deficiências física, visual, mental, severa ou profunda e aquelas diagnosticadas com autismo – bem como pais ou responsáveis por pessoas autistas – taxistas, veículos roubados/furtados, estelionatos, igrejas, entidades sem fins lucrativos, veículos oficiais e ônibus/micro-ônibus urbanos são isentos do pagamento.

Cuidado com Golpes na hora de pagar o IPVA!

Sempre que retirar o boleto para pagamento do imposto, lembre-se de entrar diretamente no site da Receita Federal do seu estado. Existem quadrilhas especializadas em golpes no pagamento do IPVA.

Elas enviam e-mails com links que direcionam para um site no qual você imprime um boleto falso. Quando pago, o valor vai para a conta dos golpistas em vez de ir para o Governo e você continua inadimplente.

Nas consultas veiculares aparece se há débitos no IPVA

Ao comprar um carro usado ou seminovo, é indicado fazer uma consultas veicular para investigar o passado de um veículo. Contudo, vale lembrar que essas consultas, além de outras informações,  indicam se há ou não débito no IPVA, mas a regularização deve ser feita diretamente no site da Receita Federal de seu estado.

Contudo, por mais que pareça complicado entender a logística do IPVA, na verdade você só precisa saber:

  • o estado ao qual seu veículo pertence
  • a placa do carro
  • RENAVAM


E fique atento todo final de ano, às notícias estaduais para ficar por dentro de possíveis mudanças no IPVA e datas de pagamentos.

Veja também: Licenciamento é obrigatório para seu carro circular

Veja também: Como funciona a tabela FIPE? Descubra como usar esse indicador a seu favor

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Fechar

Carrinho ({{getQtdItemsCart()}})

{{i.title}}

R$ {{(i.price * i.amount) | number : 2}}
- +

{{i.title}}

R$ {{(i.price * i.amount) | number : 2}}
- +
Total a pagar: R$ {{getTotal() | number : 2}} Ir para o pagamento